É impensável trabalhar a comunicação visual de uma empresa sem antes definir um logotipo impactante. Afinal de contas, na maioria dos casos, ele carrega simplesmente o peso de ser a representação imediata de uma marca e o cartão de visita para que o consumidor consiga fazer as associações com os conceitos e experiências transmitidas pelos produtos e serviços da companhia. Entretanto, em algumas ocasiões, o tiro sai pela culatra. Confira a lista abaixo e veja como não criar um logotipo. Eles foram eleitos pelo Business Insider como os mais bizarros já vistos.

Olimpíadas de Londres Logotipo 2012
Esse foi um dos logos que mais gerou interpretações nos últimos tempos. Alguns disseram que a imagem lembra uma suástica. Já o Irã ameaçou boicotar os jogos por acreditar que o logo poderia também ser lido como a palavra “Sião”, que remete à história do judaísmo, o que soaria como um ato de racismo contra os islâmicos. Teve até quem visse algo parecido com um ato sexual da família Simpson. Haja imaginação.

Comissão Arquidiocesana da Juventude da Igreja Católica
Este logo foi usado em 1973. Certamente sem intenção, a imagem depõe contra a Igreja e permite interpretações maldosas.

Centro Pediátrico Arlington
Ao ver um logo como esse vem imediatamente uma pergunta na cabeça: como aprovaram isso?

Sun Rise Sushi
Ok. Tudo bem que o conceito da imagem é um sol nascendo atrás de uma casa de chá japonesa. Não chega a ser uma ideia ruim. Mas… Veja o que deu uma execução atrapalhada.

A-Style
Esse logo parece mais uma estratégia polêmica do que exatamente um descuido. A empresa vendeu camiseta como água nos Estados Unidos.

Vermont Maple Syrup
Muito provavelmente nem mesmo milhares de americanos perceberam o quanto o mapa do estado de Bermont perece a parte inferior de um corpo humano de perfil. Ficou curioso.

Sherwin Williams
Aparentemente a famosa marca de tintas queria cobrir o mundo com uma pintura vermelho-sangue. Bizarro não?

Mont-Sat
Vai uma antena de TV aí? Complicado né?

Kudawara Farmácia
Você consegue ver e letra K neste logo? Era para ser isso. Ou não?

Locum
Acredite ou não, Locum é uma empresa de gestão imobiliária sueca. Em inglês, a coisa toda ficou muito estranha.

Mama´s Baking
Este logo é de uma cafeteria na Grécia. Outra execução que põe uma dúvida se o trabalho final foi estrategicamente polêmico ou tragicamente acidental.

Kids Exchange
Veja o que a falta de um espaço é capaz de fazer com uma marca mal desenhada.

The Computers Doctor
O mouse ficou absurdamente esquisito.

Sausages
Este é autoexplicativo.

Júnior Jazz Dance Class
Concentre-se nas crianças que dançam para identificar o quanto o logo é inadequada.

 

Fonte: http://pixeel.me/sEvC2Y